PTBR/Prabhupada 0037 - Qualquer um que conhece Krishna é um guru

From Vanipedia
Jump to: navigation, search



Qualquer um que conhece Krishna é um guru
- Prabhupāda 0037


Lecture on BG 7.1 -- Hong Kong, January 25, 1975

Então, como podemos entender a energia de Bhagavān, como podemos entender a sua energia criativa, e qual é a potência de Bhagavān, como ele está fazendo isso, tudo - isso também é uma grande ciência. Isso é chamado de ciência de Kṛṣṇa. Kṛṣṇa-tattva jñāna. Yei kṛṣṇa-tattva-vettā, sei guru haya (CC Madhya 8.128). Caitanya Mahāprabhu diz quem é guru. Guru significa Yei Kṛṣṇa-tattva-vettā sei guru haya: "Quem conhece Kṛṣṇa, ele é guru." Guru não pode ser fabricado. Qualquer um que sabe sobre Kṛṣṇa na medida do possível ... Nós não podemos saber. Não podemos conhecer Kṛṣṇa cem por cento. Isso não é possível. As energias de Kṛṣṇa são tão múltiplas. Parāsya śaktir vividhaiva śrūyate (CC Madhya 13.65, comentário). Uma energia está trabalhando de uma forma, outra energia está trabalhando de outra maneira. Mas todas elas são energia de Kṛṣṇa. Parāsya śaktir vividhaiva śrūyate. Mayādhyakṣeṇa prakṛtiḥ sūyate sa-carācaram (BG 9.10). Prakṛti ... Vemos que esta flor é um produto da natureza, e não só flor, tantas coisas estão sendo geradas - através da semente. Através da semente de rosas há roseira. Da semente de bela, haverá árvore bela. Então, como isso está acontecendo? O mesmo chão, a mesma água e também as sementes se parecem, mas de cada uma nasce uma planta diferente. Como é possível? Isso é chamado de parāsya śaktir vividhaiva śrūyate svābhāvikī jñāna. O homem comum ou o chamado cientista, eles dizem: "Isso é a natureza produzindo." Mas eles não sabem o que é a natureza e quem está supervisionando as suas atividades, a natureza material, como ela está trabalhando.

Isso é dito na Bhagavad-gītā, mayādhyakṣeṇa (BG 9.10). Kṛṣṇa diz, "Sob a minha superintendência a natureza está funcionando." Essa é a realidade. Natureza, a matéria ... A matéria não pode se combinar automaticamente. Estes arranha-céus, eles são criados com a matéria, mas a matéria não se tornou arranha-céu automaticamente. Isso não é possível. Há uma pequena, pequena alma espiritual, o engenheiro ou o arquiteto, que toma a matéria e, decorando-a, cria um edifício arranha-céu. Essa é a nossa experiência. Então, como podemos dizer que a matéria está trabalhando automaticamente? A matéria não trabalha automaticamente. Isso exige um maior cérebro, manipulação maior, por conseguinte um comando superior é necessário. Assim como neste mundo material temos a mais alta ordem, o sol, o movimento do sol, a energia térmica, a energia da luz do sol. Então, como ele está sendo utilizado? Isso é declarado no śāstra: yasyājñayā bhramati sambhṛta-kāla-cakro govindam ādi-puruṣaṁ tam ahaṁ bhajāmi. Este planeta sol também é um planeta como este planeta. Como neste planeta podem haver muitos presidentes, mas antes havia apenas um presidente, de modo semelhante, em cada planeta existe um presidente. No planeta sol recebemos este conhecimento da Bhagavad-gītā. Kṛṣṇa diz, imaṁ vivasvate yogaṁ proktavān aham avyayam: (BG 4.1) "Eu, antes de tudo, falei esta ciência do Bhagavad-gītā para Vivasvān." Vivasvān significa o presidente do globo solar, e seu filho é Manu. Este é o tempo. Desta vez está acontecendo. Ele é chamado de período Vaivasvata Manu. Vaivasvata significa vindo de Vivasvān, filho de Vivasvān. Ele é chamado de Vaivasvata Manu.