PTBR/Prabhupada 0620 - De acordo com o seu guna e karma você está envolvido em um dever ocupacional particular

From Vanipedia
Jump to: navigation, search
Go-previous.png Página anterior - Video 0619
Próxima Página - Video 0621 Go-next.png

De acordo com o seu guna e karma você está envolvido em um dever ocupacional particular
- Prabhupāda 0620


Lecture on SB 1.7.36-37 -- Vrndavana, September 29, 1976

Só Kṛṣṇa pode protegê-lo - ninguém mais. Se você sabe disso, então você não é pramatta. E se você não sabe isso, se você é um patife, então você é pramatta. Só Kṛṣṇa. Kṛṣṇa portanto disse, Ele dá a garantia, sarva-dharmān parityajya mām ekaṁ śaraṇaṁ vraja (BG 18.66). De acordo com o seu guna e karma você está envolvido em um dever ocupacional particular. Suhṛdaṁ sarva-bhūtānām (BG 5.29): "Eu sou o amigo de todos. Eu posso lhe dar proteção." Ahaṁ tvāṁ sarva-pāpebhyo mokṣayiṣyāmi. Então você tem que se abrigar em Kṛṣṇa; caso contrário, você é um pramatta, patife, mūḍha. Kṛṣṇa está dando conselhos: "Faça isso." Mas nós somos patifes, pramatta. Pensamos: "Meu filho vai me dar proteção, minha esposa vai me dar proteção, meu amigo vai me dar proteção, meu governo vai me dar proteção." Todos estes são um disparate, pramatta. Este é o significado de pramatta. Apenas tente entender. Pramattaḥ tasya nidhanaṁ paśyann api (SB 2.1.4).

Outra pramatta é, que aqueles que estão loucos atrás de gratificação dos sentidos. Nūnaṁ pramattaḥ kurute vikarma (SB 5.5.4). Há um outro verso, nūnaṁ pramattaḥ. Aqueles que são pramatta, aqueles que não têm responsabilidade na vida, por vezes desnecessariamente roubam e fazem algumas, tantas coisas erradas - vikarma. Por quê? Agora pramatta, ele também é louco. Nūnaṁ pramattaḥ kurute vikarma (SB 5.5.4). E por que ele está se arriscando a ser punido? Suponha que um homem está roubando. Ele vai ser punido. Quer pelas leis do Estado ou pelas leis da natureza, ou Deus, ele vai ser punido. Ele pode escapar das leis do estado, mas ele não pode escapar das leis da natureza, ou Deus. Prakṛteḥ kriyamāṇāni guṇaiḥ karmāṇi (BG 3.27). Isso não é possível. Assim como as leis da natureza: Se você infectar alguma doença, então você terá que ser punido. Você vai sofrer desta doença. Esse é o castigo. Você não pode escapar. Da mesma forma, tudo que você fizer, kāraṇaṁ guṇa-saṅgo 'sya (BG 13.22). Se você vive como um gato e cão, esta é a infecção, guṇa, os modos da ignorância. Então, na sua próxima vida vai se tornar um cão. Você deve ser punido. Esta é a lei da natureza.

Portanto, aquele que não conhece todas essas leis, comete tantas atividades pecaminosas, vikarma. Karma, vikarma, akarma. Karma significa o que é prescrito. Guṇa-karma. Guṇa-karma-vibhāgaśaḥ (BG 4.13). Karma significa, como é dito no śāstra, como você desenvolveu um certo tipo de modo da natureza, seu karma é de acordo com o seguinte: brāhmaṇa-karma, kṣatriya-karma, vaiśya-karma. Então, se você seguir... Esse é o dever do mestre espiritual e śāstra, designar, quando ele é brahmacārī: "Trabalhe assim." "Trabalhe como um brāhmaṇa," "Trabalhe como um kṣatriya", "Trabalhe como um vaiśya," e outros, "Śūdra." Portanto, esta divisão é feita pelo mestre espiritual. Como? Yasya yal lakṣaṇaṁ proktaṁ varṇābhivyañjakam (SB 7.11.35). O mestre espiritual vai dizer isto: "Trabalhe assim." Então isso deve ser determinado. Isso é karma, guṇa-karma. o mestre espiritual vê que ele tem essas qualidades. Isso é natural. Assim como na escola, faculdade, alguém está sendo treinado como um cientista, alguém é treinado como um engenheiro, como médico, como um advogado. De acordo com a tendência, psicologia prática do aluno, ele é aconselhado: "Pegue essa linha." Desta forma, estas quatro divisões da sociedade, são muito científicas. Então, pela instrução do guru, quando ele está no gurukula, ele vai ser atribuído um determinado tipo de serviço, e se ele faz isso fielmente... Sva-karmaṇā tam abhyarcya (BG 18.46). O propósito real é consciência de Kṛṣṇa. E de acordo com o seu guṇa e karma ele está envolvido em um dever ocupacional particular.

Nada é ruim, desde que seja destinado a satisfação de Kṛṣṇa. Ataḥ pumbhir dvija-śreṣṭhā varṇāśrama-vibhāgaśaḥ (SB 1.2.13). The varṇāśrama-vibhāga deve estar lá. Mas qual é o objetivo de varṇāśrama? Simplesmente por se tornar um brāhmaṇa ele é bem sucedido? Não. Ninguém pode se tornar bem sucedido a menos que ele satisfaça Kṛṣṇa. Esse é o verdadeiro sucesso.